História da moda: A moda dos anos 30!

terça-feira, agosto 12, 2014

Após uma década de euforia e excitação estampadas nas roupas, os loucos anos 20 tiveram um trágico fim com a Grande Depressão que começou em 1929 e se arrastou por quase toda a década de 30. A crise provocada pela queda da bolsa de valores de Nova York alastrou um alto índice de miséria e calamidades sem precedentes, não só pelos Estados Unidos, mas pelo mundo todo.
Em geral, períodos de crises econômicas ou de grandes conflitos não são marcados por um vestuário pomposo e ousado. Como vimos anteriormente, no período da Primeira Guerra Mundial, o vestuário começou a perder todo o seu "luxo" para dar lugar a uma moda onde a máxima era "'menos é mais".
Apesar de discreto, a moda da década de 30 procurou redescobrir as formas do corpo feminino, abandonando de leve a desconstrução da silhueta dos vestuários das flappers. Era uma volta de uma silhueta marcada, mas sem espartilhos ou cintas e sutiãs, era algo mais natural.

A moda e Hollywood

 Apesar de discreta e um tanto quanto austera, foi a década das musas de Hollywood, onde enfeitiçavam homens e mulheres com um visual feminino com um leve toque andrógino. Não há como falar de moda dos anos 20 sem citar Hollywood e suas musas Greta Garbo, Marlene Dietrich e Katarine Hepburn.

Greta Garbo, símbolo de elegância que conseguiu ir além de
seu auge nos anos 30.
 Essas musas desfilavam nas telonas com uma elegância natural que era emoldurada por criações de novos expoentes da alta costura, como Edith Head, Gilbert Adrian, Salvatore Ferragamo e Elsa Schiaparelli, colocando a alta costura italiana em evidência ou até superior que a francesa no período (e que infelizmente não vou escrever as bios deles, mas deixo o link no final do post).
A moda da alta costura dos anos trinta criou uma nova zona erógena no vestuário feminino: as costas. Os vestidos que na década anterior procuravam valorizar as pernas das flappers, agora voltaram a ser longos, mas com profundos decotes nas costas. As costas femininas agora eram o novo foco da atenção.

Vestido de casamento dos anos 30. Reparem que é um modelo que todo o
atrativo é centralizado nas costas.

A moda do dia a dia também valorizava os decotes nas costas, além de devolver a linha da cintura para seu lugar, deixando as saias e vestidos mais estreitos no quadril (mostrando mais o bumbum). Foi o início, o surgimento, da moda prêt-a-porter (a moda do dia-a-dia para nós mortais que não temos a nossa disponibilidade as grandes maisons ou costureiras de mão cheia), apesar do termo ainda não existir, o termo que era usado era o "já pronto", que aparecia pela primeira vez em algumas boutiques, onde apareceram alguns produtos em série assinados pelas grandes maisons.

Alguns dos modelos do dia-a-dia que deram origem
a moda prêt-a-porter

Um grande avanço que se deu na moda neste período foi o desenvolvimento dos primeiros tecidos sintéticos, como o cetim e o nylon, que foi largamente utilizado para a fabricação de meias no final dos anos 30.
A moda sportwear também decolou na década de trinta. As roupas de banho, como os maiôs foram diminuindo os seus tamanhos e também ganhando os decotes mais profundos nas costas. O modo de vida das pessoas, mas saudável e focado na prática de esportes, fez com que as mulheres adotassem cada vez mais as calças, o recém criando short (para o uso da bicicleta) e saias mais curtas para a praia. Outra grande sensação da década foi o uso dos óculos de sol.

Exemplos de maiôs da década de 30.


Crise na Europa... E uma nova reviravolta na moda

Com o agravamento da crise política na Europa, o vestuário feminino no final dos anos trinta começou a ganhar ares inspirados na moda militar, como se já esperassem pelo pior. As saias, por exemplo, ganharam uma abertura lateral, para facilitar o uso da bicicleta.

Exemplo da moda no final dos anos 30. Recortes mais masculinizados,
e saias com abertura.

Com a eclosão da Segunda Guerra Mundial, os principais centros de referência da moda mundial se viram no meio de mais um longo e sangrento conflito. Estilista se viram obrigados a fecharem suas maisons, e muitos foram forçados a fugir. Mais uma vez a moda se via profundamente transformada por uma guerra e... Na próxima, a moda dos anos 40!

Como sempre deixo para sentirem o gostinho, fiquem com imagens de como era a moda da década de 30... E alguns links para quem se interessar pelos principais estilistas do período, conhecerem um pouco mais.

Elsa Schiaparelli (link aqui)
Edith Head (Link aqui)
Gilbert Adrian (link aqui)
Salvatore Ferragamo - designer de sapatos (link aqui)












  • Share:

Você pode gostar de:

2 comentários

  1. Ah, essas roupas antigas são um charme <3

    http://marianaalb.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. É muita elegância pra uma década só, rsrs. Boa semana flor <3

    http://vintagepri.blogspot.com/

    ResponderExcluir