10 sinais de que você definitivamente entrou na vida adulta

quarta-feira, julho 02, 2014

Bom... Uma coisa que eu aprendi em minha graduação é que é quase impossível de se perceber uma mudança quando você faz parte dela. Logo, acho que a gente demora pra ver a ficha cair de quando entramos definitivamente na vida adulta. Muitos dizem que a vida adulta começa quando começam as responsabilidades acumulando, os compromissos, a independência... Pois eu acho que vai muito além disso. Afinal, todo mundo conhece uma pessoa que já é emancipada, trabalhadora, às vezes já é até casada... Mas se comporta como se fosse uma eterna adolescente. Eu acho que só agora que estou me dando conta de que já não sou uma jovenzinha... E como descobri isso???? Sex and the City - o filme!
Pois é, nunca tive paciência de ver este filme, achava as "piadas" distantes do meu universo ainda de universitária inconsequente. Certo dia, aqueles em que você não encontra mais nada passando na tv, me vi sentada em frente a telinha vendo pela primeira vez Carrie e suas amigas. Todos aqueles conflitos, incertezas de mulheres que estavam entrando nos trinta anos me fizeram ter a triste constatação: Gente! Eu sai da fase Meninas malvadas e já estou na fase Sex and The city! Pensando nisso, vou apontar 10 coisas que me fizeram, e acho que a maioria que já se encontra nessa fase, irá se dar conta de que não nos encaixamos mais nos perfis de filmes juvenis.

1. Você não gosta mais de Melissa e All Star como antigamente.

... As vezes até gosta muito ainda... Mas cada vez menos esses sapatos que foram símbolos de sua adolescência e juventude fazem parte do seu guarda roupa. EM vez disso, cada vez mais sapatos de couro e das formas mais variadas possíveis. Alguns sérios para trabalhar, visando o conforto e a austeridade... E outros vertiginosamente altos para a vida noturna. Isso sem contar que eles passam a ser uma obsseção, afinal, são mais fiéis as suas medidas do que as malditas roupas!



2. Você já tem amigas casadas... Ou é casada!

Acho que é uma coisa que as vezes demora para a pessoa se dar conta... No meu caso, eu ainda sou solteira, mas já tenho várias amigas que já fazem parte do time das casadas. E quem tem amigas assim, sabe como o simples fato de sair entre meninas já mudou completamente de quando eram mais novas. Antes era pedir (ou não) autorização (e uma graninha) pros pais e ir encontrar as amigas... Agora é falar com o marido, deixar a casa arrumada... E não demorar porque no dia seguinte tem que trabalhar. Isso sem contar de que uma simples saidinha tem que contar com a coincidência quase impossível de que todas estejam disponíveis... Como sou a solteira... Acabo preferindo ficar em casas vendo filmes mesmo kkkkkk.



3. Nunca o filme O Diário de Bridget Jones pareceu tanto com você!

Se você acha que a cena inicial do filme com algo que já te aconteceu em casa, ou seja, você sozinha, com comida de depressivo, vendo um filme triste ou aquela seleção de musicas que você fez para quando está na fossa... Aí você percebe o quão distante os seus 20 anos estão de você... E quão próximo os assustadores 30 se aproximam... Vai dar tudo certo... Afinal... Até a Bridget achou um emprego legal eo seu Darcy ne?!



4. O seu metabolismo já não é seu amigo

Cada vez é mais difícil seu corpinho se recuperar dos abusos gastronômicos que gostamos de experimentar. Até as megrelas uma hora enfrentarão esta sina: a de que chega uma época que você já não emagrece com facilidade... É a vida... Cruel como sempre...



5. Seu guarda roupa já está sofrendo as interferências da vida adulta

Já parou para perceber que quando você tinha menos de 20 anos, sofria pra achar uma roupa mais "séria" no seu guarda-roupa para uma entrevista de emprego ou ir à igreja? Pois agora a situação começa a se inverter... Achar coisas informais, divertidas e joviais requer abrir mais de uma gaveta no guarda-roupa.



6. Sua estante de cosméticos está cada vez maior

Antes só com as maquiagens... Agora tem creme para olheira, creme depilatório, para diminuir marcas de expressão, corretivos faciais para manchas, Renew da Avon... E adeus para os cremes anti-acne da adolescência...



7. ... E a farmacinha de casa também

Remédio pra cólica, para asia, para enxaqueca, para ressaca, para má digestão... E outros problemas de Adulto...



8. Sua paciência está cada vez maior/menor

Dizem que quando se é jovem a gente não tem paciência com nada... Pois é, agora você tem paciência para as coisas de outrora, como esperar em fila de banco, lotéricas... Afinal, é algo chato mas necessário... Em contrapartida, você começa a se sentir mais impaciente com coisas que antes nem te importavam, como baladas muito barulhentas, gente fútil (isso eu nunca tive paciência mesmo)... Seu programa favorito esporádico começa a ser passar o dia em casa debaixo do edredom comendo porcaria e vendo tv.




9. Suas ambições começam a se distanciar das de outrora

Já passou faz tempo da época e
m que você só sonhava em entrar pra faculdade ... Agora você sonha com o cantinho só seu, uma estabilidade financeira... Uma geladeira vermelha, uma televisão tela plana... Um closet para suas roupas...



10. Você já sente o sentimento chamado "nostalgia".

Pois é meus amigos e amigas... Nada mais cruel do que descobrir que os anos noventa foram a 20 anos atrás, que as Spice Girls se separaram há treze anos e que o filme Titanic tem dezesseis anos! Coisas que faziam parte da sua adolescência e juventude já nem se encontram mais, o que te dá uma certa pontinha de saudade e um bom tanto de desespero, porque nada te deixa se sentindo mais velha do que alguém te falar "o que é um disquete?"




  • Share:

Você pode gostar de:

4 comentários

  1. Eu ainda estou com 20 anos, porém já me sinto diferente desde os 18. Dos 14 aos 17 por mim eu ia todo final de semana pra matinês, experimentar bebida alcoólica era super divertido, inventar aventuras cada semana com amigas e namorado. Aos 18 eu comecei a mudar justamente porque comecei a trabalhar, de início experimentei bastante baladas para maiores de idade e matei a vontade e fui a muitos lugares para explorar a idade e fazia questão de andar com a identidade(se possível até colava na testa) haha, depois de uns 6 meses(ainda com 18) eu fui cansando. Meus planos já começaram a ser: sair de casa, ter um carro, apreciar uma volta no shopping,livraria ou qualquer lugar sozinha ( coisa que na adolescência é quase impossível se andar sozinha, sempre tem a ''galera''), a ficar mais em casa nos finais de semana, preferir um barzinho com musica ambiente ou ao vivo do que uma casa de show barulhenta com música eletronica e meninas fúteis, insinuantes e até preferir uma cervejinha de vez em quando do que os famosos destilados e etc etc. Eu mudei muuuuuuito, hoje eu sou mais tranquila e poupo mais meu dinheiro inclusive com roupa. Antes para todo lugar eu tinha que comprar uma roupa diferente, hoje meu guarda-roupa é até engraçado, tem as mesma cartela de cores, um pouco mais sério e retrô...coisa que antes dos 17 eu gostava de retrô mais ainda tinha vergonha de ser quem eu era por causa do julgamento da galera, depois dos 18 eu me libertei dos padrões. Tenho saudade da adolescência mas hoje eu sou muito mais completa, em valores, personalidade, maturidade e etc.


    Grande beijo
    Vem me visitar?
    Uma noite em Paris

    ResponderExcluir
  2. History of my life! xD

    vintagepri.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Bom Dia Querida Ina, como vai?
    Menina, PQP!!!! KKKKK
    Nunca me identifiquei tanto com um post, eu adorei tem tudo a ver.
    Perceber isso é um tanto frustrante ainda mais quando a gente se sente mais jovem que a idade que a gente realmente tem. Vou te falar uma coisa, passei pela crise dos 20, dos 25 dos 30 e agora meu Deus abafa...
    A vida muda ainda mais quando a gente casa e se torna mãe....a responsabilidade triplica.
    Hoje em dia não fico sem as bases os BB Creams da vida para "cobrir" e disfarçar as marcas da idade isso é preocupante amiga.
    Mas enfim é a vida e a realidade....
    Beijos amore!
    P.S. Você está me devendo uma visita viu mocinha!!!!

    ResponderExcluir
  4. Adorei o seu blog, estou seguindo! bjinhos

    http://ohamiga.blogspot.com/

    ResponderExcluir