Diferenciando o vintage do retrô

quarta-feira, outubro 02, 2013

Acho que estes dois termos, tão em evidência no universo da moda, decoração e estilo, estão sendo tão jogados na mídia ultimamente, de forma maciça e sem nenhum tipo de discernimento entre os dois, que acho que a maioria das pessoas "calouras" neste mundo alternativo pensam que ambos os termos são sinônimos.
Se enganam meus amigos! Por mais que eles possam vir a ser usados juntos e sobrepostos, seus significados são bem diferentes.
Relembrando meus tempos de professora, eis aqui uma aulinha sobre os termos que são as bases do nosso universo.





Se agente for olhar o significado no dicionário da palavra "vintage", encontraremos o seguinte: ano em que foi feito um vinho. Como um vinho, certas tendências são apreciadas após um longo período de anos, por isso certos objetos, roupas ou acessórios ganharam notoriedade e valor somente . O termo vintage muitas vezes diz respeito a um objeto que tem pelo menos 20 anos de idade. Ou seja, para ser vintage tem de ter "nascido na época", tem que ser "velho". Não estamos falando de réplicas feitas para imitar a época, mas sim dos genuínos. 
Exemplo: Aquele vestido, que você encontra em um brechó, já com cheirinho de naftalina... Mas você compra porque é lindo!!! Ou aquele conjunto de porcelana, todo pintado à mão, que passou da sua avó para a sua mãe e agora é seu.
Artigos vintage são preciosidades não pelo seu valor financeiro, mas por toda a história que eles carregam.
Embora este conceito tenha sido também utilizado para denominar artigos atuais feitos com design de modas passadas (e isso que confunde a cabeça de todos), um outro termo passou a ser usado para denominar as adaptações ao passado: o Retrô. 
Eis alguns objetos originais de suas épocas que consegui achar em fotos. Infelizmente no Brasil é bem difícil conseguir alguns artefatos (pelo menos no estado onde eu moro). Mas aqueles que tem a oportunidade de ir em antiquários, feiras de antiguidades e brechós conseguem "escavar" preciosidades!


O conceito Retrô (com origem na palavra francesa rétrospectif) se refere a um artigo (roupa, por exemplo) que está fora do estilo predominante na atualidade, retrô seria um estilo que não faz parte da moda atual (embora para dar um nó de vez na nossa cabeça, insistem em dizer que o retrô tá na moda... Que antagonismo). O termo também abrange as famosas roupas, artigos para o lar e acessórios em geral que estão sendo fabricados atualmente mas seguem o estilo anos 50 por exemplo. Este é o mais comum e acessível (em termos de busca e dinheiro as vezes). Alguns as vezes são uma adaptação ao regionalismo (disponibilidade de materiais e clima do lugar), o que até ajuda de certa forma a aqueles que curtem coisas "antigas". 
Isso não é uma traição ao passado, de forma alguma, mas como a maioria não tem pleno acesso aos guarda-roupas das avós... A alternativa é criar ou procurar roupas e acessórios inspirados nas épocas que tanto amamos.
Como nas imagens acima, você pode achar cópias 100% fiéis aos objetos da época na qual você quer se inspirar, ou algo que já tenha sofrido uma releitura, com uma roupagem mais moderna sem perder o brilho do passado.

Enfim... Como vi uma vez no blog da minha amiga Priscila: não existe 100% retrô e 100% vintage. Vintage não é melhor que retrô e vice versa. Todas nós somos vintages e retrôs sem exceção! 


  • Share:

Você pode gostar de:

1 comentários

  1. Post hiper util. Eu vivia nomeando coisas de 'vintage' sem nem saber que estava errada. Valeu!
    beijos e que Deus te abençõe ♡ Blog Like a Rock, Like a Roll (clique) | Fan page|Pesquisa

    ResponderExcluir